Biblioteca Digital de Eventos Científicos da UFPR, III ENCONTRO DAS LICENCIATURAS REGIÃO SUL

Tamanho da fonte: 
A FORMAÇÃO INICIAL DO PEDAGOGO E O PIBID: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA NOS ANOS INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL
Elizangela Martins de Oliveira, Karin Cozer de Campos, Jéssica Fernandes da Silva, Juliana Bassani, Lucinara Cristina Fornari

##manager.scheduler.building##: Setor de Sociais Aplicadas
##manager.scheduler.room##: 02
Data: 12-11-2019 04:00  – 04:15
Última alteração: 31-10-2019

Resumo


 

O artigo tem como objetivo refletir sobre a relação entre o processo de formação inicial do professor no curso de Pedagogia e o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID). A intenção é discutir quais têm sido as contribuições do Pibid à formação do acadêmico ao inserir-se no cotidiano da escola durante os primeiros anos da sua graduação e relacionar as suas experiências acadêmicas com a sala de aula acompanhando o trabalho entre professores e crianças nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Tomamos como referência a experiência de um grupo de acadêmicos que estão inseridos no Pibid do curso de Pedagogia da Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Incluímos as vivências dos acadêmicos em escolas públicas, onde eles acompanham o trabalho de professoras em turmas de alfabetização. Por meio de relato de experiências apontamos reflexões sobre o processo de formação inicial do pedagogo a partir do seu envolvimento com a escola. Para embasar tais reflexões tomamos como referência alguns autores deste campo de estudo, como Pimenta, Schroeder & Wendling; Lima e Oliveira. As considerações sinalizam para o quão significativa é a inserção do acadêmico na escola desde os primeiros anos de sua graduação, consolidando uma relação mais efetiva entre teoria e prática e potencializando experiências acadêmicas formativas mais amplas.


Palavras-chave


Formação inicial de professores, Curso de Pedagogia, Pibid, Anos iniciais do Ensino Fundamental.

Referências


CAPES.  Coordenação de aperfeiçoamento de pessoal de nível superior. Programa institucional de bolsa de iniciação à docência – PIBID. Chamada pública para apresentação de propostas. Edital Nº 7/2018. Disponível em: http://www.capes.gov.br/images/stories/download/editais/01032018-Edital-7-2018-PIBID.pdf. Acesso em: 19 de julho de 2019.

 

KRAMER, S. A infância e sua singularidade. In: BEAUCHAMP, Jeanete; PAGEL, Sandra Denise; NASCIMENTO, Aricélia R. Ensino fundamental de nove anos: orientações para a inclusão da criança de seis anos de idade. Brasília: Ministério da Educação. Secretaria da Educação Básica, 2007.

 

LIMA, E. S et al. Benefícios do PIBID na formação de estudantes do curso de licenciatura de educação física: uma revisão bibliográfica. Conexões ciência e tecnologia. Fortaleza-CE, v. 13, n.1, p. 15-22, mai, 2019.

 

OLIVEIRA, H. F. A bagagem do PIBID para a formação inicial docente e para a construção da identidade profissional. Trabalho Linguística Aplicada. Campinas, n(56.3): 913-934, set./dez. 2017.

 

PIMENTA, S.G. Formação de professores – saberes da docência e identidade do professor. Revista Nuances. São Paulo, vol. III, p. 5-13, set. 1997.

 

PROJETO PEDAGÓGICO DO CURSO DE PEDAGOGIA. Resolução nº 216/2016-CEPE, de 6 de outubro de 2016. Alterada pela resolução nº 264/2017- CEPE, de 28 de setembro de 2017. Aprova o Projeto Pedagógico do curso de Pedagogia Licenciatura, campus de Francisco Beltrão, da Universidade Estadual do Oeste do Paraná – UNIOESTE.

 

SCHROEDER, T. & WENDLING, C. Contribuições do Pibid para a formação do pedagogo. Contribuciones a las Ciencias Sociales, setembro, 2013. Disponível em: http://www.eumed.net/rev/cccss/25/formazao-professores.html. Acesso em: 27 de julho de 2019.


Um cadastro no sistema é obrigatório para visualizar os documentos. Clique aqui para criar um cadastro.